jump to navigation

Comunismo das redes: tese de doutorado 29 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in Sobre o virtual.
Tags: , , , , , , ,
2 comments

Enfim, disponibilizo a minha tese de doutorado completinha neste blog. A publicação está disponível para ser descarregada no formato pdf .

metamorfose do conceito de notícia 28 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in Sobre o virtual.
Tags: , , , ,
add a comment

Via o blog E-periodista, li a citação do diretor da Time sobre a mudança no conceito de notícia (informar o contexto) após o advento da internet, transponha-a de forma literal:

La concepción original de Time era apenas una recapitulación de las noticias de la semana. En mi opinión, esa noción básicamente ha desaparecido en la era de internet, donde aquello que clásicamente se conocía como ‘noticia’, sea lo que demonios sea, se ha convertido en un producto común [commodity]. Ahora lo que importa es aquello que puedes añadir a lo que la gente ya sabe, poniéndolo en contexto, dándole perspectiva, amplificándolo, proporcionándole profundidad.

Crítica às redes sociais 28 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in Sobre o virtual.
Tags: , ,
1 comment so far

Redes antisociais: a pior idéia da internet? – É o título do artigo de Juan Freire que promove uma crítica muitíssimo inteligente às redes sociais que se estruturam a partir da lógica de “ambientes controlados”, como é o Orkut, o Facebook etc.  Freire ecoa as idéias de Adam Greenfield, que faz campanha contra as arquiteturas dessas redes sociais controladas.

Via: Soitu.es, por Juan Freire

Newsweek e os blogueiros 28 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in Sobre o virtual.
Tags: , , , , , ,
add a comment

De novo, internet e política. Nos EUA, a Newsweek resolveu inovar. Criou um espaço online (The Ruckus) para que blogueiros façam análises políticas sobre as eleições presidenciais de 2008.  A idéia é que eles (são 9 ao total) insiram neste espaço as principais idéias e argumentações que rolarão na blogosfera na época das eleições.

Exemplo bom de união entre a midiasfera e a blogosfera. Exemplo que reforça a tendência da expansão do diálogo público online. É a opinião pública se metamorfoseando.

Via: Periodismo Ciudadano

2 em cada 3 adolescentes se expressam online 27 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in Sobre o virtual.
Tags: , , , ,
1 comment so far

Segundo a mais nova pesquisa do Pew Internet and American Life Project, 2/3 dos adolescentes nos EUA se expressam online. E mais:

– 40% hospeda suas criações artísticas online;
– 28% possui blogs;
– 55% tem perfil em redes sociais como Facebook e MySpace.
– 76% já fizeram comentários em blogs (achei esse dado o mais interessante).
– Os meninos postam mais vídeos que as meninas (o dobro, segundo a enquete).
– Colocar uma foto online é a maneira mais rápida de iniciar uma conversação (no Brasil, quem é usuário do Orkut sabe disso: é só o sujeito mudar o seu álbum, e já se inicia uma enxurrada de scraps).

Via Transnet

moderar ou não os sites políticos? 27 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in Sobre o virtual.
Tags: , , , ,
add a comment

Olha aí artigo no El Mundo sobre política e internet. O ano de 2008 será de eleições municipais e, para mim, a internet vai ocupar um lugar maior do que ocupou na eleição de 2006.

Neste artigo, chamado A rede não é dos partidos (La red no es de los partidos), o autor critica o fato de os partidos estarem a censurar, antes ou depois de publicadas, as mensagens de cidadãos em seus sites.

É aquele dilema, o que fazer com a lógica aberta da internet? Moderamos ou não os comentários? Colocamos algum filtro contra os trolls? No caso da política, deixamos a opinião contrária no espaço de visibilidade política de um candidato?

Via: Blog do Enrique Dans

“Papai, vc já tem cabelo branco” 27 dezembro, 2007

Posted by Fabio Malini in diário.
Tags: , , , ,
add a comment

Resolvi voltar a escrever porque estou com mais tempo, é claro. Desejei d+ voltar escrever de forma mais constante, mas não deu, porque este último semestre fiz muitas coisas, algumas delas estavam acumuladas devido ao meu único foco em 2007: a defesa da minha tese de doutorado. Agora me parece que as coisas estão mais organizadas. E 2008 será de muitos projetos, principalmente, os de pesquisa (CNPq, Facitec, Fapes e os PIBICs Ufes), e os de extensão (com a OIT e UFRJ,  e outros que ainda não posso falar…).

Puts, hoje tive um dia difícil: acho q deu probleminha no meu ciático… fico correndo demais, jogando bola, lutando contra a natureza, então deu piripaqui na minha coluna… que merda! Então aproveitei o dia para resolver coisas de casa e ler um livro que comprei lá na Leonardo da Vinci, no RJ. Ele se chama L’impact de la presse gratuite: nouvelle donne économique et changement sociologique. Tô gostando principalmente porque revela uma saída para o mercado de mídia impressa, em particular, o jornal.

Mas sou interrompido pelo Pedro, meu filho. Ele me pergunta porque a gente morre, diz que não quer que eu morro. Aí eu falei: mas morrer demora (mentira, mas…). “Mas, papai, é só quando a gente fica com o cabelo branco que a gente morre?”. Aí eu vacilei: é sim, filho. “Mas, papai, vc já tem cabelo branco”. Pensei, pensei e pensei, e revelei: tem problema não, Pedrito, eu pinto cabelo. Aí o moleque ficou feliz.
Meu filho com problema existencial. E eu preocupado com o meu ciático e com a festinha de ano novo que estou a organizar para os amigos.

Depois volto …