jump to navigation

Defesa de Doutorado 29 março, 2007

Posted by Fabio Malini in Tese Completa.
7 comments

Defesa da Tese de Doutorado

O Comunismo das Redes: sistema midiático p2p, cooperação em rede e novas políticas de comunicação na Internet

Fábio Malini

Escola de Comunicação/UFRJ – Sala 135  – às 10h30min

 

Banca Examinadora:

Henrique Antoun (orientador)

Giuseppe Cocco (UFRJ)

Ivana Bentes (UFRJ)

Ruth Reis (UFES)

Ronaldo Lemos (FGV)

Anúncios

A TV dos Muitos 25 março, 2007

Posted by Fabio Malini in TV Digital.
3 comments

A Direita brasileira (e parte da esquerda, a radical impotente) criou um forte lobby para rechaçar a implantação de uma rede de televisão pública e estatal pelo governo democrático de Lula. Essa gente brada que não caberia ao Estado “dirigir” os rumos da comunicação do país. Amparada no legado de intelectuais demodès, sopra o clichê acadêmico uspiano: “O público não se esgota no Estado”. Mas se trata de puro silogismo. Os sistemas público e estatal de TV são coisas distintas, segundo o artigo 223 da Constituição. O estatal divulga atos dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. E o sistema público difunde conteúdos produzidos pela sociedade em canais educativos, culturais, universitários e comunitários.

A questão política é que o presidente metalúrgico é ousado demais. Primeiro, vai criar a rede de TV do Executivo, uma “Voz do Brasil” vista na telinha por quem tiver interesse e paciência. Mas essa TV não assusta ninguém. O grande incômodo da direita é com o forte apoio do governo de Mr. Da Silva à TV Pública, que será criada e modelada, a partir de abril, pelos atores da sociedade civil. Pela primeira vez na história, os movimentos culturais da periferia pobre, cineastas, músicos, artistas, jornalistas, videomakers, enfim, todo o precariado da comunicação e da cultura, passará a contar com canais de televisão, com abrangência nacional e local, geridos por eles próprios.

Com a migração para o modelo digital, esses canais serão abertos e concorrentes dos comerciais, disputando, portanto, recursos públicos e privados como já acontece em outros países democráticos. Num contexto de profusão criativa, impulsionada, em parte, pela ampliação da democratização dos instrumentos de produção (como o computador, videocam, câmeras fotográficas digitais, celulares, etc), a sociedade passa a exigir espaços comuns para abrigar suas criações, para que mais gente possa conhecê-las. E a televisão pública é uma boa solução para isso.

Publicado no Jornal A Gazeta (Vitória-ES), no dia 22/03/2007

A Constituição do Comum, por Antonio Negri 25 março, 2007

Posted by Fabio Malini in Pensamento Negri.
5 comments

Alô, alunos,

Segue transcrita a palestra do Negri, que assistimos na última aula. Não reparem alguns pequenos problemas de tradução. Qualquer coisa a culpa é minha, o tradutor.

A constituição do Comum, por Antonio Negri (2005)

Educação para cidadania hacker 19 março, 2007

Posted by Fabio Malini in experiências, inclusão digital.
4 comments

Manifesto na rede, produzido pela Sociedade Internacional de Tecnologia na Educação, propõe conhecimentos básicos em TI para os estudantes rumo à alfabetização digital.  O manifesto serve como desafios básico para a inclusão digital dessa clientela.

Segue o primeiro dos princípios. Quem quiser o resto, é só seguir para o blog de Anibal de loa Torre. Está em espanhol.

I. Creatividad e innovación: Los estudiantes piensan de manera creativa, construyen conocimiento y desarrollan productos innovadores usando tecnología.

A. Aplican el conocimiento existente para generar nuevas ideas y productos.
B. Usan la tecnología como medio de expresión creativa.
C. Usan los sistemas explorando potenciales más allá de los originales para los que fueron concebidos.
D. Identifican tendencias y pronostican posibilidades.

Leia Mais:

Educação e tecnologia para a sociedade em rede, por Juan Freire

Alguns pontos sobre a convergência digital, por Sergio Amadeo

Mais um artigo publicado, por Fábio Malini

Volta… 18 março, 2007

Posted by Fabio Malini in catarse.
2 comments

Com a entrega da versão impressa da minha tese, posso retomar as atividades do blog. Há muitas novidades, mas preciso ir escrevendo-as aos poucos.